segunda-feira, março 25

Amor


A busca pela inspiração leva o escritor, que se diz escritor, mas nada mais é que um reles pobre diabo, procurar a essência das árvores, do ar, dos bichos e das coisas. Olha ali na frente a felicidade do casal. A alegria da mãe e seu novo bebê. Aquela que ri ao ler e aquele que ri ao ver passar rebolando uma bela bunda torneada. Olha ali na frente uma fruta madura, pronta pra ser tolhida, e uma florzinha que cresce feliz até ser pisoteada. A libélula saltitante e a borboleta florida. Amor, que transpassa e nos alegra, amor que nasce bonito e sorri para mim, amor de romance e amor de companherismo. Mas, maior amor está ali, te olha nos olhos, te encontra formosa e te leva para o enfim e além.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Que tal seguir por email?

▲ TOPO