sábado, agosto 3

Silêncio

Olhando aqui para o céu
o suor escorrendo pela face
o calor entrando nos poros
posso lamentar sua ausência
posso chorar e culpar o sol
posso gritar em voz baixa
e posso me calar, apenas,
me calo, pois palavras mal ditas
devem ser palavras silenciosas

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Que tal seguir por email?

▲ TOPO